Após morarem por anos em um pequeno apartamento no centro da cidade, o casal aspirava por uma casa onde seus dois filhos, uma menina de 9 anos e um menino de 6, tivessem espaço para brincar. A casa térrea, com pouco mais de 200m², foi projetada com espaços traduzidos para as atividades de lazer e estudo das crianças e prioridade nas atividades familiares.

Uma das premissas do projeto foi a integração dos ambientes da área social, priorizando a iluminação natural e a ventilação cruzada. A planta é composta por dois blocos, o living com pé direito alto de 4,5m, amplo e integrado, e o setor íntimo dos dormitórios. A área de serviço foi colocada entre os dormitórios para maior praticidade e funcionalidade.

Ano do projeto: 2019

Local: Campinas

Casa CS-860

Os moradores buscavam por uma arquitetura contemporânea e o aproveitamento máximo do terreno, com "muito espaço para as crianças".

AMANDA ALVES ARQUITETURA